Por que fazer curso de culinaria?


Alimentação fora de casa está 2,63% mais cara este ano SÃO PAULO –

Comer fora de casa ficou 2,63% mais caro neste ano, apontou o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Já em 12 meses terminados em abril, o consumidor que possui o hábito já está desembolsando 7,52% mais. Dentro do item alimentação fora do domicílio, as refeições registraram alta acumulada no ano de 2,33%. Porém, a maior variação foi verificada no cafezinho, cujo preço aumentou 7,92% neste ano. O menor aumento foi o do café-da-manhã, que apontou uma variação de 0,01%. Quando analisado o período de 12 meses terminados em abril, por sua vez, o destaque fica com aumento de preços dos cafezinhos, que pesaram 14,54% a mais no bolso do consumidor, seguidas pelo refrigerante e água mineral (8,75%) e chopp (8,68%). Na análise mensal, a alimentação fora de casa registrou variação de 0,56%, principalmente por conta do aumento dos preços do cafezinho e do chope, que variaram 2,38% e 1,22%, respectivamente. Os doces, por sua vez, não tiveram variação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s